Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Blog da Osa

Não sou Curiosa (muito), Ambiciosa, e muito menos Invejosa. Mas por outro lado sou Ansiosa, Medrosa ( embora eu costuma dizer, medricas), Gulosa (q.b.), Ruidosa (MUITO), enfim, e ainda há quem me ache Fabulosa ou Maravilhosa :)

Blog da Osa

Não sou Curiosa (muito), Ambiciosa, e muito menos Invejosa. Mas por outro lado sou Ansiosa, Medrosa ( embora eu costuma dizer, medricas), Gulosa (q.b.), Ruidosa (MUITO), enfim, e ainda há quem me ache Fabulosa ou Maravilhosa :)

Trovoada

Trovoada_1.jpg

 

Daqui fala a Osa, mas qual delas...

 

Não, a menina aqui não está com a Trovoada.

 

Hoje venho falar da trovoada que se fez "sentir" ontem por este País, ou pelo menos em algumas zonas.

 

Quando saí do trabalho, às 18:30 senti um "Bafo" de calor tal que quase que me fez dar um passo atrás e voltar para dentro do prédio.

Olhei para o céu e rezei para que conseguisse chegar a casa antes da chuva que ameaçava cair, começasse.

 

Vou buscar a minha Princesa a pé, porque é tudo muito perto (tem que se aproveitar) e posso garantir que rezei quase 80 % do caminho.

 

Houveram alturas que tenho a certeza que caminhei mais rápido do que quando ando a correr.

É um pouco a subir, não foi fácil, mas até parecia que tinha asas!

A trovoada aumentava a cada passo que eu dava.

E sabemos o que vem a seguir (normalmente) a uma série de trovões...CHUVADA!

E eu sem guarda-chuva, com um carrinho de bebé e um bebé dentro.

Não iria ser bonito, por mais pequeno que fosse o trajecto!

 

Conclusão, a Super Mãe conseguiu e chegamos a casa sãs e secas...quer dizer, a mãe chegou um pouco transpirada devido ao passo ligeiro que teve que ter.

Nada que não se resolvesse!

 

Mas depois surgiu outro "problema".

Estava um calor dentro de casa que só apetecia abrir todas as janelas.

Mas eu tenho uma paranóia (entre muitas) de criança com a trovoada.

Contavam-me histórias que já tinham morrido pessoas por terem "sido apanhadas" pelos trovões que entravam dentro de casas.

A melhor que me lembro é:

"Se só tiveres uma janela aberta, ele (trovão) não tem por onde sair..."

 

Julguem à vontade, mas hoje quando oiço trovoada é impossível não sentir medo e só me apetecer meter em casa fechada e debaixo do edredão.

 

Ontem deixei duas janelas abertas, pelo sim pelo não, até porque a trovoada ouvia-se muito ao de leve.

Estaria bem longe. 

Tanto que só caíram umas valentes pingas de chuva e parou logo.

Deixando só o BAFO do calor.

 

E por aí, alguém com medo da Trovoada ou dançam ao ritmo dos trovões, com as luzes psicadélicas dos relâmpagos?

 

 

P.S - Imagem retirada da net.

 

6 comentários

  • Imagem de perfil

    Blog da Osa 21.04.2017 09:52

    Sim, uma verdadeira sauna
  • Imagem de perfil

    HD 21.04.2017 18:01

    Quase de suar em bica :D
  • Imagem de perfil

    Blog da Osa 21.04.2017 18:37

    O que vale é que a minha casa se divide em duas partes distintas no que toca à temperatura, a parte dos quartos é bem mais fresca, o que vai equilibrando
  • Imagem de perfil

    HD 21.04.2017 18:38

    Na minha é um forno sempre pré aquecido: não há fuga possível :D
  • Imagem de perfil

    Blog da Osa 21.04.2017 18:44

    Então só mesmo com as janelas abertas, se não houver perigo
  • Comentar:

    CorretorEmoji

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.