Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Blog da Osa

Não sou Curiosa (muito), Ambiciosa, e muito menos Invejosa. Mas por outro lado sou Ansiosa, Medrosa ( embora eu costuma dizer, medricas), Gulosa (q.b.), Ruidosa (MUITO), enfim, e ainda há quem me ache Fabulosa ou Maravilhosa :)

Blog da Osa

Não sou Curiosa (muito), Ambiciosa, e muito menos Invejosa. Mas por outro lado sou Ansiosa, Medrosa ( embora eu costuma dizer, medricas), Gulosa (q.b.), Ruidosa (MUITO), enfim, e ainda há quem me ache Fabulosa ou Maravilhosa :)

O nome, importa?

ines.jpg

 

Daqui fala a Osa, mas qual delas...

 

Mesmo sem saber se algum dia iria ter filhos, uma coisa eu já sabia, o nome que lhes havia de dar.

Rapaz ou rapariga.

Foi graças a um feito, que em tempos (tempo demais) pensei ser IMPOSSÍVEL, que tomei essa decisão.

Na minha primeira corrida oficial.

Numa corrida em que corri 9 quilómetros,  mais coisa menos coisa.

Foi em Coimbra.

Na corrida Pedro & Inês.

(Re)Descobri hoje, ao pesquisar sobre o ano que tinha sido, que foi a primeira edição desta corrida, em 2013.

Que giro 🤔🤔🤔

Depois de ter corrido os primeiros 5 quilómetros(que era o meu limite até então) tomei essa decisão.

Se conseguisse terminar a corrida os meus filhos seriam a Inês ou o Pedro.

O Pai concordou.

Achou que os argumentos eram bastante bons 

 

Quis o destino que tivesse uma Inês.

 Ela hoje completa 17 meses de vida.

E que vida!

 

Quando soube que seria uma menina, comecei logo a trata-la por Inês.

Ainda durante a gravidez fui "avisada" por Amigos que já tinham uma filha Inês, que eu iria ter em mãos um belo desafio.

Na altura eu sorri e não percebi!

Ingénua!!!

 

Com o decorrer dos meses esta "história" tem sido recorrente.

É que sempre que alguém sabe o nome da miúda, olha para mim com aquele olhar típico de "uhh boa sorte".😲😲😲😲

Então quando são pais de Inês são sempre muito convincentes e dão-nos aquela palmadinha nas costas para tentar servir de consolo...

Medo!!! 

Hoje com a "pequena" experiência que tenho, em ser Mãe de Inês posso começar a compreender que Ela tem um feitio peculiar!!! 

Tem tanto de boa como de "louca".

Ainda esta semana a médica disse:

"Ela tem mesmo cara de malandra" 

Eu diria mais, "Safada", a minha bela Safada Inês 

 

Mas e vocês, acreditam no poder que o nome pode ter na personalidade de uma pessoa?

 

P.S - Imagem retirada da net.