Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Blog da Osa

Não sou Curiosa (muito), Ambiciosa, e muito menos Invejosa. Mas por outro lado sou Ansiosa, Medrosa ( embora eu costuma dizer, medricas), Gulosa (q.b.), Ruidosa (MUITO), enfim, e ainda há quem me ache Fabulosa ou Maravilhosa :)

Blog da Osa

Não sou Curiosa (muito), Ambiciosa, e muito menos Invejosa. Mas por outro lado sou Ansiosa, Medrosa ( embora eu costuma dizer, medricas), Gulosa (q.b.), Ruidosa (MUITO), enfim, e ainda há quem me ache Fabulosa ou Maravilhosa :)

Somos umas Grandes Bestas

_mal_estacionado.jpg

 

 

Daqui fala a Osa, mas qual delas...

 

Eu sou daquelas pessoas que raramente dá o Pisca quando estou numa rotunda.

Não sei porquê.

(Devo ter falhado essas aulas de condução...)

E sei que muita gente quando me vê deve pensar:

"Olha coitada, deve estar avariado..."

Depois, temos aqueles condutores que parecem que andam sempre com o pisca ligado.

Enfim!

 

Mas isto para dizer que realmente fazemos coisas (ou deixamos por fazer), que afectam o dia-a-dia dos outros.

Os nossos actos têm consequências nas vidas das outras pessoas.

Alguns com muito impacto e outros nem tanto.

 

O que hoje venho "relatar" é em relação aos condutores que estacionam em qualquer sitio.

De certeza que sou, ou melhor, já fui um deles.

Agora estou mais sensível!

 

Ultimamente tenho reparado mais nisso, porque ando com um carrinho de bebé na rua, daí estar mais "mesquinha".

E como se costuma dizer:

"...é preciso estar na pele para se sentir a dor..."

 

Uma coisa que me tem chateado é quando vejo carros estacionados em frente às rampas de acesso aos passeios.

Para mim, não é muito difícil contornar essa questão.

Mas não deveria ter que contornar!

Se a autarquia criou esses acessos para facilitar , porque é que uma besta qualquer se dá ao direito de a "tapar".

Quando se trata de cadeiras de rodas, como é que é!?!!?!?

E depois ainda fico mais irritada quando vejo que existia espaço para deixar mal estacionado, mas sem tapar a rampa!!!

 

Será que a pressa nos torna tão cegos ao ponto de não ver isso???

Será que temos a consciência só para fazer feitio???

Será que o comodismo nos impede de pensar um pouco nas coisas que fazemos???

 

Por estes dias aconteceu comigo uma situação de estacionarem o carro em frente à minha saída de garagem.

Eu estava ao pé da saída quando vi pararem o carro mesmo em frente e para meu espanto o condutor sai do carro.

Eu dirijo-me à pessoa e digo que já vem um carro e tem que tirar dali o seu.

Aliás espaço para a frente e para trás não faltava.

Bastava puxar um metro para trás.

Mas estacionar mal e ainda importunar pessoas é que é fixe!!

Sabem o que é que a pessoa me disse:

"Ai é um minuto."

A típica desculpa que dizemos para nós próprios para acreditarmos que aquilo não tem mal nenhum.

 

Sabem o que vos digo, era começar a pintar os carros mal estacionados (como está na imagem), para ver se a consciência começava a funcionar.

Porque pelos vistos, a multa já não assusta ninguém!

 

For God's sake!